×
25 março, 2022

10 passos para adotar uma rotina de autogestão eficiente

Você sabe como funciona a autogestão? Com o aumento de profissionais que trabalham à distância ou fazem home office, esse termo tem sido mais falado no mercado de trabalho. Saiba mais!

Enquanto antes a autonomia dos funcionários era algo praticamente invisível, muitos empreendedores tiveram o seu modo de pensar transformado ao investir mais em gestão de pessoas, visando aumentar a qualidade dos processos e da cultura organizacional, para contar com uma gestão mais participativa.

Uma das mudanças mais visíveis é a valorização da autogestão, que não apenas estabelece uma relação de confiança entre gestor e colaborador, mas também melhora a qualidade das entregas, dos serviços, prazos e resultados.

Neste artigo, você vai saber mais sobre o significado e os benefícios de adotar uma rotina de autogestão eficiente, além de conferir os principais 10 passos para fazer isso. Siga conosco!

Como aplicar a autogestão em sua rotina?

Antes de tudo, é válido ressaltar que não há uma receita de bolo para aplicar a autogestão na sua rotina, mas reunimos os 10 passos que podem ajudar você a desenvolver essa habilidade com mais praticidade, independente do seu ramo de atuação. Confira a seguir!

  1. Liste tudo o que você precisa fazer na semana

Pegue um papel e apenas despeje todos os compromissos, lembretes, eventos e as atividades que você deve realizar ao longo da semana. Ao fazer isso, você já consegue tirar um peso da sua mente e ter uma visão mais ampla do que vai acontecer nos próximos dias.

2. Determine horários, locais e processos

Depois de listar tudo, é hora de separar as tarefas: onde, como e quando você vai fazer cada uma delas? Essa etapa é extremamente importante, pois os processos influenciam muito no alcance dos resultados almejados.

3. Analise o tempo disponível

Além de definir local e modo para cumprir os compromissos, você precisa ficar de olho no tempo disponível que possui para evitar a sobrecarga de trabalho e reduzir o risco de possíveis atrasos ou imprevistos.

4. Defina prioridades

O que é preciso ser entregue com mais urgência? Qual tarefa demanda mais tempo? Esses são alguns questionamentos que devem ser feitos na hora de estabelecer quais atividades você vai fazer em cada dia, a fim de otimizar o seu tempo e evitar dores de cabeça.

5. Conheça os seus limites

A autogestão eficiente também envolve autoconhecimento: não adianta dizer “sim” para todas as atividades, sem uma ordem de prioridade nem um momento de descanso, se você pode extrapolar os seus limites e prejudicar a sua saúde mental e física. Por isso, é preciso controlar bem as prioridades de acordo com o seu tempo.

6. Tenha clareza os seus objetivos

Para garantir uma autogestão mais eficaz, é recomendável ir além do conhecimento do tempo disponível e das tarefas realizadas: por que você deve dar check nas atividades ao fim do dia? 

Ao ter mais clareza nos objetivos e nas metas que você deseja alcançar, a motivação e o engajamento tendem a aumentar no seu dia a dia, proporcionando melhores resultados.

7. Crie demandas

Em vez de esperar que os clientes definam prazos ou enviem demandas, por que não oferecer os seus serviços para apresentar mais produtividade e aumentar as oportunidades de fechar bons negócios?

8. Atente para o que você pode melhorar em seu trabalho

A autogestão é o oposto da ideia de esperar feedbacks de terceiros para aprimorar o seu desempenho. Receber um retorno sobre o seu trabalho é importante, mas você também pode entender quais ajustes são necessários para melhorar os seus processos. 

9. Entenda quais são as suas necessidades

Para pensar no que você pode melhorar, é indicado conhecer as suas atuais necessidades: o que pode facilitar a sua rotina de trabalho? Trace um plano de ação para ter mais sucesso com a autogestão no dia a dia. 

Alguns pontos que podem ajudar você, são: internet de alta velocidade, ferramentas tecnológicas de organização de tempo, uma cadeira confortável, uma mesa com tudo o que você precisa, uma garrafa com água, um bom fone de ouvido, entre outros, por exemplo. 

10. Teste rotinas possíveis para você

Quais são as rotinas de profissionais que atuam na sua área? Trocar ideias com outras pessoas que também estão envolvidas em processos semelhantes aos seus, pode ajudar bastante a entender o que pode ser transformado de forma positiva. 

Assim, você pode testar as possibilidades e adotar a rotina que mais se encaixa com as suas necessidades, preferências e circunstâncias atuais.

E aí, já se preparou para implementar essas dicas no seu dia a dia e, dessa forma, contar com uma rotina de gestão eficiente? Esperamos que este artigo tenha inspirado você a fazer mudanças positivas para conquistar resultados ainda melhores.

Continue de olho em nosso blog para saber mais sobre processos de trabalho, gestão de negócios, empreendedorismo, finanças, vendas, tecnologia e marketing.

× Como posso te ajudar? Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday